Venha conhecer e desfrutar o que a linda Subaúma tem a oferecer. A beleza, a natureza e a tranqüilidade de um lugar tipicamente tropical estão o ano inteiro nesta simpática cidade praiana.
Situada no litoral norte da Bahia, a Linha Verde corta toda a costa dos coqueiros. São belíssimas praias, dunas, restingas, manguezais, recifes de corais, lagos, rios, cachoeiras, reservas ambientais e uma gana de formosuras que só a natureza pode nos propiciar. E Subaúma é uma dessas jóias escondidas, a 110 Km ao norte de Salvador (via Linha Verde), ela está a sua espera com sua beleza natural e paisagens intocadas que se fazem presentes por todos os cantos.
Suas praias são protegidas por recifes que formam uma grande quantidade de piscinas naturais, tornando-se um lugar seguro para o banho de mar. Em contrapartida, próximo a barra é tentadora a prática do surf, ondas quebrando sobre fundo de pedra criam condições excelentes para este esporte. As caminhadas, a pesca e os esportes náuticos fazem parte de qualquer programa para quem visita esse povoado de pescadores.

Atrativos

  • O rio Subaúma e o rio Crumaí, onde se pode admirar o encontro da água doce com o mar.
  • O mirante do Cruzeiro oferece uma visão panorâmica de toda a área urbana de Subaúma.A cachoeira dos Índios, que é formada pelo rio Subaúma, tem uma queda d’água de 5 metros e forma um poço natural excelente para o banho. Nas suas proximidades há uma área de piquenique.
  • A lagoa Verde, cercada por coqueiros e restinga, faz parte de um conjunto de lagoas formadas entre o cordão de dunas. De água doce, fria e cristalina, tem uma coloração azul esverdeada por causa do reflexo do céu, e da vegetação subaquática.
  • A lagoa de Panela fica bem próxima à lagoa Azul, e é cercada por mata densa e restinga.

Eventos

  • Janeiro: lavagem da Igreja - última 5ª feira do mês
  • Janeiro:festa de Senhor do Bomfim - último domingo do mês
  • Fevereiro: carnaval – data móvel
  • Abril: festa da emancipação do município – 03
  • Junho: festa de São João – 23 e 24
  • Agosto: festa de Nossa Senhora dos Prazeres – 16 a 25

Curiosidade
Conta a lenda que no tempo dos engenhos um senhor ficava sentado no alpendre de sua casa grande com olhos de luxúria para as escravas que lavavam roupa no rio. Vez por outra, para satisfazer seus desejos gritava: Suba uma. Daí teria surgido o nome do lugar.